(43) 3326-5500 sac@mamalatina.com.br
Mulheres De Fibra

Mulheres de fibra

O dia das mulheres já passou, mas nada melhor do que continuar se inspirando em histórias de mulheres que venceram dúvidas e todos os desafios para realizarem seu objetivo. Foram elas que contribuíram muito para o posicionamento da mulher na sociedade e para luta de todos os dias em busca de uma sociedade igual e com mulheres empoderadas!

Confira com a Mama Latina algumas mulheres de fibra e inspire-se!

Primeira feminista do Brasil Nísia Floresta nasceu em uma família abastada, mas buscou durante toda a sua trajetória uma sociedade igualitária, apoiando as causas feminista e abolicionista. Nísia, aliás, é considerada a primeira mulher a defender ideais feministas em artigos, palestras e discursos. A escritora e educadora lutou até os 75 anos pela independência da mulher dentro da sociedade.

A nota perfeita

A romena Nadia Comaneci é considerada – por unanimidade – a maior ginasta de todos os tempos. Tudo isso é resultado de uma vida inteira dedicada à paixão por um esporte aliada a uma disciplina impecável. Já aos 14 anos, Nadia foi responsável por um dos momentos mais extraordinários da história do esporte mundial. Nas Olimpíadas de Montreal, em 1976, ela atingiu a nota perfeita: um 10. O feito era tão incrível que nem o placar estava programado para mostrar a nota. Ela ainda conseguiu mais seis notas 10 durante a competição, conquistando três medalhas de ouro, uma de prata e uma de bronze.

A mulher à frente de si mesma

Coco Chanel não era apenas uma designer de vanguarda. Era uma mulher que, desde pouca idade, recusava-se a aceitar os padrões impostos e o lugar secundário da mulher na sociedade. Desconstruiu paradgimas a partir da sua vida pessoal, perseguindo sua felicidade sem a interferência de pensamentos e julgamentos alheios. Como estilista, valorizava o charme e a feminilidade da mulher – contra os padrões rígidos da época – e questionava estereótipos masculinos e femininos dentro da moda.
Nossa homenagem e respeito a todas as mulheres em todos os dias!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *